Prece de Agradecimento – Eduardo Baqueiro

Agradeço aos inimigos
que sempre me indicaram a melhor direção.

Agradeço as dores que invadem o meu corpo,
confirmando minhas imperfeições.

Agradeço o choro escondido
que lava a minha alma.

Agradeço o desespero
que me traz saudades da harmonia.

Agradeço aos sonhos
que me levam um passo adiante.

Agradeço à liberdade,
pilar de minha felicidade.

Agradeço ao que não recebi,
indicando o lugar que devo ocupar.

Agradeço à inteligência
que me faz compreender as dificuldades do caminho.

Agradeço a consciência que me julga
quando descanso a cabeça no travesseiro.

Agradeço às minhas mãos,
minhas ferramentas mais valiosas.

Agradeço à fome
e ao frio que nunca passei.

Agradeço à necessidade na dose certa
que me ensinou o melhor caminho.

Agradeço a oportunidade
de estender meus braços, não para pedir,
mas para consolar.

Agradeço à minha mãe
por estar sempre ao meu lado e pela prece
que ela me ensinou para agradecer.

Agradeço à oportunidade
de doar meus ombros ao amigo que chora.

Agradeço à  liberdade
para errar, amar, sorrir.

Agradeço aos amigos
que me fazem seguro e feliz.

Agradeço a oportunidade
de estar em seus pensamentos.

Agradeço a Deus a dádiva recebida,
muitas das quais não mereci.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *